Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estórias na Caixa de Pandora

A chuva

Enfim, a chuva. Essa coisa da natureza que diz que é precisa mas eu abomino. É a roupa que não seca, a casa que parece nunca estar limpa, as janelas fechadas, a vontade de hibernar e não pôr o nariz fora de casa, as tardes de domingo debaixo da manta no sofá, regada a chás quentes e o tempo preenchido com séries, sestas e leituras. O trânsito infernal, os agasalhos e guarda-chuva, o calçado fechado, que não deixe passar água. 

Todas as estações têm os seus encantos. Mas sem chuva, por amor da santa. Sem chuva. Que eu não vejo encanto nenhum na chuva. 

 

6 comentários

Comentar post