Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estórias na Caixa de Pandora

A demanda das santas Gazelle

Sinto-me qual cavaleiro templário em demanda pelo Santo Graal, mas obviamente numa versão Monty Python.

Quando me decido a cometer a pura da loucura de comprar umas sapatilhas por (aproximadamente) 100€,  o que é que podia correr mal a esta pelintra assumida?!

Os pontos de venda na minha cidade são praticamente inexistentes, ainda assim consegui pelo menos experimentar o tamanho 36 e confirmar que é grande para mim. A menos que deixasse crescer, e bem, as unhas, ia andar ali com os mini pés a nadar. O grande drama é que os modelos de adulto começam os tamanhos onde? Pois, 36. Secção júnior. Ah ah ah lá terá de ser, melhor ainda que até são quase a metade do preço. Procuro online, nada. Calhou de ir ao Mar Shopping no fim de semana e bater com os olhos na loja Adidas. Entrei. Expliquei o que procurava. Nada. Nos júniores não tinham 35 ou 35 e 1/2, e nos modelos de adulto, o mais pequeno que tinham era um 36 e 1/2. 

Ponto de situação:

No site oficial da Adidas tenho disponível em 35 e 1/2 as Gazelle na cor navy e em vermelho. Eu que já me tinha decidido a comprar pretas, não encontro pretas na secção júnior.

B24620_01_standard.jpg

 

S32246_01_standard.jpg

 

No site da Sportzone (sim, porque já estive em loja e só havia os modelos masculinos) há um modelo semelhante às Gazzele. Semelhante. 

6b850e2054d2312f575fafe08e65b0ff7c7f3b21

Azul navy modelo júnior, disponível em 35.

 

E pronto, Karma is a bitch e eu, pelintra, estava a querer comprar umas sapatilhas da moda e vejo-me nestas andanças. 

Está visto que não passarei da Gata Borralheira. Alguma Fada Madrinha que ande por aí e transforme esta pelintra em Cinderela com Gazelle nos pés? 

 

9 comentários

Comentar post