Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estórias na Caixa de Pandora

Gostam pouco, gostam!

Não entendo. Juro que não entendo.

Reclamam dos centros comerciais cheios, confusos, as lojas desarrumadas, o estacionamento apinhado, a fila de trânsito, mas ah e tal é natal e é preciso ir comprar as prendas.

Dias depois volta o mesmo cenário, nos saldos.

Quando precisei de ir ao centro comercial acabar as compras de natal, acordei cedo a um sábado, às 10h da manhã estava a estacionar o carro, às 10h40 a vir embora com as compras todas feitas, e fui a várias lojas. Saldos, há muito que se quero ou preciso de alguma coisa, vejo online.

Não gosto de centros comerciais apinhados, não gosto de lojas desviradas, pior que a Feira de Espinho em pleno agosto, não gosto do mulherio histérico a correr atrás da roupa como se lhe faltasse o ar para respirar e aquele casaco, que provavelmente não vai ser usado mais do que uma vez, na passagem de ano, fosse a salvação de morte certa. Se não gosto, sou coerente: não vou. Se tenho mesmo de ir, vou logo pela manhã, hora a que as lojas abrem e ainda está tudo no sítio e as funcionárias com frescura e paciência para atenderem. 

 

12 comentários

Comentar post