Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estórias na Caixa de Pandora

Estórias na Caixa de Pandora

01
Nov18

Arrepiante! Sublime!

Há meses que espero (e anseio) por esta estreia. E o universo conspirou a meu favor, estreou na semana que tirei de férias, portanto, mal confirmei que dia 31 era a estreia, arranjei bilhetes e aí fui eu.

Adorei! ADOREI! Quero ir ver outra e outra e mais outra vez e tantas outras vezes. Perdi a conta às vezes que me arrepiei, que me apeteceu cantar a plenos pulmões, bater palmas... enfim. 

Sim, sou fã de Queen, adoro Freddie Mercury. O álbum póstumo Made in Heaven, lançado em 95, apanhou-me em plena adolescência, foram horas infinitas a ouvir as músicas, a cantá-las de cor, a torná-las a banda sonora dos meus dias e emoções em ebulição.

Conheço um pouco o que foi a vida de Freddie Mercury, a história dos Queen, mas confesso não ser aquela fã que sabe na ponta da língua todos os detalhes, datas e factos. 

Sobre o filme, sim adorei. E sim, compreenderei as críticas menos positivas que lhe forem apontadas, mas desde já as refuto. É um filme. Um filme que tenta condensar em pouco mais de duas horas a vida e carreira do lendário Freddie Mercury e dos Queen. O filme não é só sobre Freddie. É Freddie e os Queen. O seu percurso criativo, as dificuldades, os desentendimentos, o sucesso. As consequências nefastas deste sucesso e da pressão a que ficaram sujeitos. A força da amizade e a união de uma verdadeira família. 

Bohemian Rhapsody é uma exuberante epopeia aos Queen, à sua música e ao seu extraordinário vocalista, Freddie Mercury, que desafiou estereótipos e quebrou convenções para se tornar um dos artistas mais amados do planeta. O filme mostra o sucesso meteórico da banda através de suas canções mais icónicas. Freddie Mercury é uma lenda. Os Queen são uma lenda. E este filme sublima tanto o lado humano destes comuns mortais como a sua ascensão a lendas da música. They will live forever!

Quem for fã (daqueles que conhecem toda a história discográfica) vai cruzar-se com algumas discrepâncias cronológicas. Vai achar que ficaram outros aspetos da vida de Freddie por explorar. 

Eu, sinceramente, acho que o filme está sublime! 

 

4 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pela estória de:

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D