Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estórias na Caixa de Pandora

Estórias na Caixa de Pandora

11
Jun15

Perdoai-me a ausência

Ter um blog por mero deleite, prazer e hobbie, não devia implicar obrigação de escrever. E para mim não implica, como se pode notar pela minha quase nula atividade por aqui. Mas fica aquela sensação de estar em falta para com algumas pessoas que aqui passam, comentam, deixam uma palavra, deram força e apoio em dias menos bons, e riram com as minhas piadas e alegrias.

Não se passa nada de especial. Os dias de trabalho têm sido muito preenchidos e absorventes e pouco tempo ou disposição para escritas permitem. Os meus dias são banais, sem nada que me pareça relevante ou me apeteça partilhar.

Ainda não fui à praia e confesso que este ano sinto-me renitente em vestir o biquíni. Entretanto a onda de calor serenou e veio um tempo mais fresquinho, com ares de chuva. O feriado foi passado no sofá com os gatos, a dormitar e a ler um livro precisamente sobre gatos e sobre o dom que eles têm sobre nós e do poder do seu amor. Ando a precisar de pintar o cabelo, mas o cansaço e preguiça têm vencido. Andei com dores lombares, o que me me trouxe dificuldades nas aulas de dança e ginástica, e tive de parar uma semanita para repouso. Esta terça feira saí com o pessoal das danças e fiquei com aquela sensação do "mais valia ter ficado em casa", não pela companhia, mas por tudo o que podia ter corrido mal e correu: tempos infindos para arranjar estacionamento, chegar atrasada à esplanada do ponto de encontro e levar com a porta na cara quando ía fazer o meu pedido de gelado. Se já estava com um humor de gaja com TPM, fiquei com humor de cão raivoso. Acabámos a rir da minha sorte, ou falta dela, mas pronto, não foi o suficiente para que o meu estado de espírito animasse.

De certa forma estes últimos dias/semanas resumem-se a demasiado absorvida pelo trabalho e pelo seu crescente volume, e depois uma necessidade enorme de me abstrair e esvaziar.

Como não sou blogger de escrever sem vontade de o fazer, nem de agendar post's para um mês, ando assim, desaparecida daqui da minha Caixa de Estórias. 

São fases. Há-de passar. 

2 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pela estória de:

Blog Afiliado

Sugestões

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D