Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estórias na Caixa de Pandora

Estórias na Caixa de Pandora

15
Out17

Porque estou numa de thrillers?!

Clicar na imagem para ver a sinopse.

Porque os devoro. Este durou cerca de 5 horas (não consecutivas, mas também não muito distanciadas).

É intenso. É sufocante. É perturbador. É psicologicamente arrasador.

Ao contrário dos que tenho lido, neste Ao Fechar a Porta não há um crime, um desaparecimento, um mistério a desvendar. Há um intenso relato de primeira pessoa (a vítima), que vai alternando entre o passado e o presente, um intervalo temporal de cerca de 15 meses, até que passado e presente se encontram.

Seguimos lado a lado com a protagonista, sentimos a mesma incredebilidade, o mesmo pânico, a luta pela sobrevivência, porque dela depende a pessoa que mais ama e que deve proteger, alimentamos a mesma esperança para manter a racionalidade, e caímos no mesmo desespero a cada tentativa falhada. 

É difícil largar até chegar à última página e saber como termina, se bem ou mal. A leitura é fluída, os capítulos pequenos, a narrativa bem construída, tão bem construída que nos agarra, nos faz sentir um nó na garganta, um sufoco, a cabeça a andar à roda. Uma frustração enorme e incapacitante, uma revolta cega, são os sentimentos que este livro mais me despertou. O vilão desta história resume-se nesta expressão popular: lobo com pele de cordeiro. 

Um livro que explora a violência psicológica, como é tão díficil de perceber, de provar, de pedir ajuda. Como é tão incapacitante.

Partilho aqui uma opinião bem construída sobre este livro, e que está muito próxima da leitura que fiz. Li outras opiniões de quem não gostou assim tanto e viu falhas. Foram justificadas, não lhes tiro o crédito. Ainda assim, e porque opiniões são isso mesmo, eu gostei e muito deste thriller. Não tivesse parado só na última página (ai que assim desgraço-me a comprar livros porque não duram nada).

 

Eu sei, eu sei. Entre a minha última opinião que escrevi sobre um livro e esta, já li outros quatro. Gostava de escrever um pouco sobre cada um, e o tempo vai passando. Em breve terei uns dias de férias, vamos lá a ver se tiro um tempinho para me dedicar ao blog e a partilhar as leituras dos últimos meses. 

Balanço leituras de 2017, a 16 de outubro: 12 livros lidos. O objetivo era um por mês, e mesmo com os meus períodos de paragem, até recuperei e bem. Venha o próximo. 

 

 

2 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pela estória de:

Pesquisar

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D