Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estórias na Caixa de Pandora

Estórias na Caixa de Pandora

24
Mar19

Sou mar

Tenho alma de mar com sabor a sal, de sol esbatido no reflexo da água que se espreguiça pela areia... Sou da planície do mar, do horizonte do sol.

As únicas montanhas que não me sufocam são as dunas de areia, de onde se espreita o horizonte de mar salgado.

Não me tirem de perto do mar. Não sei quem sou sem o ter, sem o sentir: a brisa, o cheiro a maresia, a areia que se funde e escapa pelos dedos, o sol que se reflete e se espande no imenso espelho de água. Não me tirem o mar, porque me tiram um pedaço inteiro de mim.

Sou mar. Não sei ser outra coisa. 

 

1 comentário

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pela estória de:

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D